Atualizado 11/04/2018

Fluminense recebe Nacional Potosí-BOL na estreia Sul-Americana

Abel Braga quer garantir boa vantagem do Rio de Janeiro para ter fôlego na altitude de quatro mil metros acima do nível do mar em Potosí, na Bolívia

O Fluminense estreia nesta quarta-feira (11) na Copa Sul-Americana contra o Nacional Potosí-BOL, às 21h45, no Maracanã, e um bom resultado neste primeiro encontro se torna essencial, visto que as equipes voltam a se encarar na cidade boliviana que está situada a quatro mil metros de altitude.

O técnico do Fluminense, Abel Braga, ressalta que o time tricolor manterá a forma de atuar que demonstrou neste início de temporada, tendo como esquema o 3-5-2, mas aponta que não se pode deixar de pensar nos outros 90 minutos que ainda terá pela frente.

"O futebol exige muito. A Sul-Americana exige muito. Estou tranquilo, não vamos mudar nossa forma de jogar, mas é impossível deixar de pensar que não vai ser mais difícil jogar a quatro mil metros de altura. É uma coisa absurda (altitude). Dá uma vantagem muito grande para quem está acostumado. Jogar em uma altitude dessa é complicado. Vamos para o jogo sabendo o que temos que fazer, o que não se deve fazer, porque tem 180 minutos e os últimos 90, independente do jogo daqui, serão de dificuldade maior",  analisou o comandante.

Escalação

O elenco realizou o último treino antes da partida na terça, no CT Pedro Antônio, no Rio de Janeiro. Provavelmente, Abel iniciará o jogo com os seguintes titulares: Júlio César, Renato Chaves, Gum e Ibañez; Gilberto, Jádson, Richard, Ayrton Lucas e Sornoza; Marcos Júnior e Pedro.

Fonte: R7.COM
© Copyright 2017 - Rede Nossa Rádio, Todos os direitos reservados Desenvolvido por HZ Soluções