Atualizado 11/08/2017

Permanência de Luan alegra torcida, mas força direção a buscar nova fonte para saldar dívidas

Os euros russos não atraíram Luan. Convocado para a Seleção Brasileira para os jogos contra Equador e Colômbia pelas Eliminatórias, o atacante de 24 anos disse não ter sido consultado sobre as tratativas entre Grêmio e Spartak. E não demonstrou disposição de sair neste momento.

Sua decisão gera duas reações. Uma, de satisfação, é da torcida, que vê aberta a perspectiva de contar com seu melhor jogador até o final da temporada e com ele ganhar competições como a Libertadores. Outra, de preocupação, é da direção. Com dívidas por saldar, o clube precisará encontrar uma nova fonte de receita. E ainda chegar a um acordo de renovação de contrato que evite a saída sem custos do jogador em 2018.

— Os caras do Grêmio não me procuraram. Disseram que estava acertado entre Grêmio e Spartak, mas ninguém ouviu meu lado. Não estou sabendo. Então, não tenho o que falar — disse Luan em entrevista.

 

Na terça-feira, o presidente Romildo Bolzan Júnior informara que o acordo com o Spartak estava bem próximo. Citou questões burocráticas como último empecilho e chegou a se dizer "de coração partido" com a saída de Luan. As tratativas emperraram quando se definiu a forma de pagamento, que o Spartak pretendia parcelar além do pretendido pelo Grêmio. O clube, então, decidiu parar com as manifestações públicas sobre o tema. 

Na entrevista, Luan chegou a brincar sobre a disposição de Romildo de vendê-lo.

— O presidente falou meio que se despedindo. Falei para ele: "pô, já quer me tirar do Grêmio, contra minha vontade? Mas é tranquilo. Vamos evitar falar disso porque não chegou nada ainda — descontraiu. 

Como ainda restam 20 dias para o fechamento da janela de agosto, não se descarta o surgimento de novas ofertas. O empresário Jair Peixoto destaca que, convocado, Luan atinge outro patamar e pode atrair o interesse de outros clubes. Mas respeita o que for decidido pela direção.

Bolzan, por sua vez, não quis dar nenhuma informação sobre a negociação:

— O Grêmio irá fazer o melhor para o clube e para o jogador. 

Os próximos passos de Luan

Se ficar
Para evitar perder Luan de graça, o Grêmio terá duas alternativas: vendê-lo na janela de transferências de dezembro ou renovar o contrato com o atacante. Até o momento, as negociações para ampliar o vínculo, que se encera em 17 de setembro de 2018, não avançaram. Caso seu empresário e a direção não se acertem, o jogador poderá assinar com qualquer clube a partir de março e deixar o clube sem nenhum real como compensação. 

Se sair
A venda de Luan precisa ser encaminhada até o dia 31 de agosto, quando a maior parte das janelas de transferências dos principais mercados europeus serão fechadas. 

© Copyright 2017 - Rede Nossa Rádio, Todos os direitos reservados Desenvolvido por HZ Soluções