Atualizado 09/08/2018

Crescimento da indústria do RS em junho compensou tombo provocado pela greve dos caminhoneiros

Semestre fechou no positivo também

Após ter caído cerca de 11% em maio, a produção da indústria do Rio Grande do Sul aumentou 17% em junho. O dado foi divulgado nesta quinta-feira (09) pelo IBGE. Com este avanço, o setor recuperou as perdas e atingiu 92,1 pontos, acima do nível de abril. É também o maior patamar de dezembro de 2017, um mês muito bom para o setor.

greve dos caminhoneiros fez as empresas até suspenderem atividades em maio, com dificuldade de receber matéria-prima e escoar produção. Com destaque para o setor automotivo, que tem peso forte na matriz econômica do Estado e, portanto, também no cálculo do indicador. 

Na comparação com junho do ano passado, também houve aumento, de 1,1%. Importante lembrar que várias indústrias usaram o mês para recuperar a produção perdida durante a paralisação, inclusive com turnos aos finais de semana.Isso influencia na comparação com o mesmo período do ano passado.

Com o avanço de junho, o semestre ainda fechou no positivo. Houve um pequeno crescimento de 0,3% na produção das indústrias gaúchas de janeiro a junho. Apesar de o resultado ainda ter sido positivo, a esperança era de que o crescimento fosse mais robusto para reativar a economia. 

No semestre, o maior crescimento foi no segmento veículos automotores, reboques e carrocerias (+1,15%). Já a queda mais intensa foi na produção de químicos (-0,66%). 

Fonte: GAÚCHA ZH
© Copyright 2017 - Rede Nossa Rádio, Todos os direitos reservados Desenvolvido por HZ Soluções