Atualizado 08/11/2018

Rihanna proíbe Donald Trump de usar músicas dela em comícios

Cantora afirmou que presidente dos EUA utilizou "Don’t Stop the Music" de modo "não consentido"

Pharrell Williams, Adele, Steven Tyler e Neil Young proibiram o uso de suas canções em comícios do presidente dos Estados Unidos. Agora, foi a vez de Rihanna notificar Donald Trump.

A cantora afirmou que o líder americano usou de modo "não consentido" a música "Don’t Stop the Music". Ela ressaltou que não se posiciona a favor das políticas do parlamentar e pediu que seus advogados escrevessem uma declaração e enviassem aos responsáveis pelo evento.

 

Se isso voltar a acontecer, Rihanna deve entrar com um processo por uso indevido de propriedade intelectual. Ela retuitou um post de um repórter do Washington Post que relatava que a música embalava um comício do republicano no Tennessee. No perfil oficial no Twitter, Rihanna disse: "Não por muito tempo. Eu e minha galera jamais iríamos a um evento trágico desses".

Fonte: jornal correio do povo
© Copyright 2017 - Rede Nossa Rádio, Todos os direitos reservados Desenvolvido por HZ Soluções